O estudo das funções visuais e movimentação ocular em disléxicos e normo-leitores

O estudo das funções visuais e movimentação ocular em disléxicos e normo-leitores

Author Goncalves, Emanuela Cristina Ramos Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Schor, Paulo Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Oftalmologia e Ciências Visuais
Abstract Reading is a daily task that requires the organisation of several perceptual-cognitive processes, including ocular movement. During reading, eye movements seek and start processing the information contained in a text, and conditions such as dyslexia affect visual search and consequently textual comprehension. Strategies to facilitate the reading process include manipulations in the visual dysplay of printed or digital text, such as font size or font type. However, the vast majority of studies in the field neglect populations with reading difficulties, such as dyslexics, and only few studies investigate eye movements linked to other visual aspects (e.g., reading acuity) also essential in reading comprehension. Therefore, the main purpose of this thesis was to investigate the effects of changes in textual layout on the visual perception and ocular movement of non-dyslexic and dyslexics readers during reading. For this purpose, two studies were designed: The first one aimed to investigate the effects of space between lines on Visual Reading Functions (VRF), reading speed and accuracy. The second one focused on the effects of space between letters on eye movements, reading speed and reading comprehension. Eighteen skilled readers (M = 23.67 years, SD = 8.84) and 20 dyslexics (M = 15.05 years, SD = 6.55) both natives to the Brazilian Portuguese language (PB) voluntarily participated in the first study. Participated in the second study, 40 adult skilled readers (chronological age: M = 19.75 years, SD = 1.71), 38 non-dyslexic children (chronological age M = 9.04 years, SD = 1.95 and lexical age M = 9.16, SD 2.12) and 14 dyslexic children (chronological age M = 10.47 years, SD = 1.28 and lexical age M = 7.43 years SD = 0.59) native to the French language. The results of the first study confirmed dyslexics’s reading difficulties, as this group had slower reading speed than the non-dyslexic group. In addition, dyslexics presented reduced Reading Acuity (RA) and larger Critical Print Size (CPS) than skilled readers. However, in contrast to what was previously hypothesized, the changes in the visual layout did not show significant influence on both groups, although machine learning techniques demonstrated different behaviors between groups for each text layout presented. In the second study, the manipulation effect of interletter spacing on ocular movement was notorious for both non-dyslexics and dyslexic groups. There was a significant difference between groups for the number of fixations as well as number of saccades. There was a significant difference for the number and frequency of fixations and saccades between interletter spacing conditions. In current literature, the use of ocular movement has been suggested as a powerful tool for the real-time understanding of cognitive processing. In this study, it was possible to correlate ocular movement poor performance of dyslexics to their reading difficulty: dyslexic children presented a greater number of fixations and saccades than non-dyslexic children and adult readers. In conclusion, the studies developed in this thesis highlight the importance of understading the effects of layout manipulation on reading performance, especially in individuals with learning difficulties. This is of particular importance given the current socio - cultural context in which the use of technological media (e.g., tablets) has been widely disseminated and used in the educational process of children.

A leitura é uma tarefa cotidiana que requer o orquestramento de diversos processos perceptuais-cognitivos, incluindo a movimentação ocular. Durante a leitura, os movimentos dos olhos buscam e iniciam o processamento da informação contida no texto, e condições como a dislexia afetam o rastreamento visual e consequentemente a compreensão textual. Estratégias para facilitar o processo de leitura incluem manipulações na apresentação visual do texto impresso ou digital, como por exemplo, tamanho ou tipo de fonte. No entanto, a vasta maioria dos estudos na área negligenciam populações com dificuldades de leitura, como disléxicos, e poucos estudos incluem movimentos dos olhos e outras váriaveis visuais (e.g. acuidade de leitura) essenciais na compreensão da leitura. Portanto, a presente tese teve como objetivo principal investigar os efeitos da manipulação do “layout” textual na percepeção visual e movimentação ocular de indivíduos normo-leitores e disléxicos durante a leitura. Dessa forma, foram desenvolvidos dois estudos. O primeiro visa investigar o efeito do espaçamento entre linhas nas Funções Visuais de Leitura (FVL), velocidade de leitura e acurácia. O segundo aborda o efeito do espaçamento entre letras sobre a movimentação ocular, velocidade de leitura e compreensão leitora. Participaram voluntariamente do primeiro estudo 18 indivíduos normo-leitores (M = 23.67 anos, DP = 8.84) e 20 disléxicos (M = 15.05 anos, DP = 6.55), nativos do idioma Português Brasileiro (PB). No segundo estudo participaram 40 normo – leitores adultos (idade cronológica: M = 19.75 anos, DP = 1.71), 38 normo – leitores crianças (idade cronológica M = 9.04 anos, DP = 1.95 e idade lexical M = 9.16, DP 2.12) e 14 crianças disléxicas (idade cronológica M = 10.47 anos, DP = 1.28 e idade lexical M = 7.43 anos DP= 0.59) nativas do idioma francês. Os resultados do primeiro estudo evidenciam as dificuldades de leitura dos disléxicos, através da menor velocidade de leitura e da diferença signifcativa de desempenho entre os grupos: disléxicos apresentam Acuidade de Leitura (AL) e Tamanho Crítico de Letra (TCL) piores do que o grupo normo-leitor. No entanto, ao contrário do que era previamente hipotetizado, a manipulação do layout para esse caso não demonstrou influência significativa sobre ambos os grupos, apesar de técnicas de machine learning demonstrarem comportamentos diferentes entre os grupos para cada um dos layouts apresentados. No segundo estudo, a manipulação do espaçamento entre letras sobre a movimentação ocular é notória tanto para os normo-leitores quanto para o grupo disléxico. Houve diferença significativa entre os grupos para quantidade tanto de fixações quanto de sacadas. Na avaliação do espaçamento, houve diferença significativa tanto para quantidade de fixações e sacadas quanto para a frequência. A avaliação da movimentação ocular é apontada na literatura como uma ferramenta poderosa para a compreensão em tempo real do processamento cognitivo. Assim sendo, é possível correlacionar o pior desempenho da movimentação ocular de disléxicos em relação à dificuldade de leitura: crianças disléxicas apresentaram uma maior quantidade de fixações e sacadas do que crianças normo – leitoras e essas, por conseguinte, do que adultos normo-leitores. Concluindo, os estudos desenvolvidos nesse trabalho comprovam a importância do estudo do efeito da manipulação do layout sobre o desempenho de leitura, sobretudo em indivíduos com dificuldade de aprendizagem, e principalmente, dado o contexto sócio – cultural atual, no qual o uso de mídias tecnológicas (e.g. tablets) tem sido amplamente disseminado e utilizado no processo educacional de crianças.
Keywords Ocular Movement
Dyslexics
Reading
Leitura
Movimentação Ocular
Funções Visuais De Leitura
Dislexia
Language Portuguese
Date 2019-07-25
Research area Indicadores De Qualidade Anatômica E Óptica De Tecidos Do Segmento Anterior Do Olho
Knowledge area Análise Da Eficácia De Protocolos De Intervenção
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 139 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=8042479
Access rights Open access Open Access
Type Thesis
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/59599

Show full item record




File

Name: EMANUELA CRISTINA RAMOS GONCALVES.pdf
Size: 2.664Mb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account