Mapeamento das ações da Terapia Ocupacional na doença de Alzheimer na visão dos profissionais

Mapeamento das ações da Terapia Ocupacional na doença de Alzheimer na visão dos profissionais

Alternative title Mapping the actions of Occupational Therapy in Alzheimer's disease in view of professionals
Author Lopes, Camila Ferreira Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Novelli, Marcia Maria Pires Camargo Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract Pode-se observar que a expectativa de vida da população tem aumentado significativamente. Algumas alterações do sistema nervoso são normais durante o envelhecimento, como a diminuição da velocidade da condução nervosa e algumas alterações das habilidades cognitivas, como a perda da memória, que pode acentuar-se com a presença da demência. A mais comum entre as demências é a demência por doença de Alzheimer (DA). Não há cura para essa demência e o tratamento se dá com a associação de intervenções farmacológicas e não farmacológicas. A Terapia Ocupacional (T.O.) é uma das profissões que pode contribuir, como intervenção não farmacológica, para o atendimento tanto do idoso como de seus familiares. Dentre os objetivos gerais da T.O. está manter o máximo possível de autonomia e independência do idoso. O objetivo do estudo foi identificar e entender o plano de tratamento utilizado e traçado por terapeutas ocupacionais para pessoas com demência pela DA. Utilizouse a abordagem quantitativa e qualitativa para entrevistar 10 profissionais atuantes da área de gerontologia, através de um questionário com 24 questões abertas e fechadas. Os resultados foram analisados pelo método da análise de conteúdo pelo processo de categorização. Dentre os resultados obtidos tem-se o tempo de formação das profissionais variando entre 5 e 31 anos, o tempo de experiência com síndromes demenciais variando entre 2 e 26 anos, interesse pela população para seguir trabalhando após a graduação, 100% das participantes possuem formação específica, 100% das entrevistadas realizam avaliação funcional nos idosos, 80% das profissionais dizem utilizar algum modelo teórico em sua prática, dentre os principais objetivos de intervenção pode-se identificar melhora da funcionalidade, 100% das profissionais entrevistadas atuam em conjunto com a família, 80% das entrevistadas não visam alta para o idoso e 90% das profissionais atuam de maneira multidisciplinar. O estudo apontou um consenso entre as ações das terapeutas ocupacionais, mostrando a importância da T.O. no tratamento dessas pessoas, além de proporcionar melhor qualidade de vida e o máximo de autonomia e independência para esses idosos.

It can be observed that the life expectancy of the population has increased significantly. Some changes in nervous system are normal during aging, such as decreased of nerve conduction velocity and some changes in cognitive abilities such as memory loss, which can become more pronounced in the presence of dementia. The most common of the dementias is Alzheimer's disease (AD). There is no cure and the treatment is the combination of pharmacological and nonpharmacological interventions. The occupational therapy (OT) is one of the professions that can contribute, as nonpharmacological intervention for the care of the elderly as much as their family members. Among the general objectives of the OT is to maintain the maximum possible autonomy and independence of the elderly. The aim of this study was to identify and understand the treatment plan, layout and used by occupational therapists for people with dementia by the AD. The quantitative and qualitative approach were used to interview 10 professionals working in the field of gerontology, through a questionnaire with 24 open and closed questions. The results were analyzed by the method of content analysis with the categorization process. Among the results there are the time of formation of professionals ranging from 5 to 31 years, the time of experience with dementia ranging between 2 and 26 years, interest in this public to continue working after graduation, 100% of participants have specific training, 100% of respondents realize functional assessment in elderly, 80% of professionals report to use a theoretical model their practice, among the main objectives of intervention can be identified improve in functionality, 100% of the interviewed professionals work together with family, 80% of respondents do not aim discharge for the elderly and 90% of professionals work in a multidisciplinary way. The study found a consensus among the actions of occupational therapists, showing the importance of OT in the treatment of these people, and provide better quality of life and maximum autonomy and independence for these seniors
Keywords Envelhecimento
Doença de Alzheimer
Terapeutas Ocupacionais
Aging
Alzheimer's disease
Occupational Therapists
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage ISS
Language Portuguese
Date 2011-12-05
Published in LOPES, Camila Ferreira. Mapeamento das ações da Terapia Ocupacional na doença de Alzheimer na visão dos profissionais. 2011. 58 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Terapia Ocupacional) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2011.
Knowledge area Promoção da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 58 f.
Access rights Open access Open Access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/58360

Show full item record




File

Name: TCC. Camila Ferreira Lopes.pdf
Size: 506.1Kb
Format: PDF
Description: TCC
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account