Efeito de diferentes tipos de suplementação durante o exercício físico na intensidade do limiar aeróbio: um estudo sobre o humor e o bem-estar

Efeito de diferentes tipos de suplementação durante o exercício físico na intensidade do limiar aeróbio: um estudo sobre o humor e o bem-estar

Author Paula, Caio Simões de Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Antunes, Hanna Karen Moreira Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract Introdução: Diversos estudos reportam uma relação positiva entre medidas afetivas e exercício físico, no entanto, para atividades com duração superior a 30 minutos, dependendo da carga de trabalho, é possível perceber níveis aumentados em relação à percepção de fadiga, o que instiga a busca de estratégias para reverter esse quadro, sendo o uso de suplementos nutricionais uma das estratégias mais utilizadas. Objetivo: Investigar os efeitos do exercício físico agudo na intensidade do limiar aeróbio no bem estar e no humor de jovens adultos submetidos à suplementação de carboidrato mais AACR. Métodos: Sete voluntários sadios do gênero masculino, com média (±desvio-padrão) de idade (25,00 ± 4,40) anos, estatura (1,75 ± 0,06) cm, massa corporal (75,74 ± 10,07) kg, índice de massa corpórea (IMC) (24,52 ± 1,97) kg/m2, e VO2 pico de (39,62 ± 3,31) ml.kg.min-1, foram submetidos a dois protocolos de carga retangular por 45 minutos realizado em um cicloergômetro de membro inferior (Lode, Excalibur Sport 925900, Groningen, Netherlands), um com a ingestão de carboidrato mais AACR e outro com a ingestão do placebo, que foram ofertados de forma randomizada e duplo-cega. Para as medidas psicobiológicas, foram aplicados um instrumento que avalia o humor e um que avalia aspectos de bem-estar. Essa avaliação foi realizada em diferentes momentos: antes, imediatamente após, 30’ e 60’ após o término do protocolo. Os instrumentos utilizados foram: 1) Escala de Humor de Brunel (BRUMS) - mede o estado de humor; 2) Escala Subjetiva de Experiência em Exercício (SEES) - mede respostas afetivas induzidas pelo exercício físico. Os voluntários foram encorajados a manterem o mesmo padrão alimentar nos 3 dias que antecederam os protocolos, e antes de cada uma das condições experimentais, permaneceram em jejum por 4 horas. O intervalo entre os protocolos foi de 7 dias, o estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética da Universidade Federal de São Paulo/ Hospital São Paulo (#1713/08). Resultados: A comparação dos grupos mostrou que não houve uma atenuação das respostas psicobiológicas na condição de exercício executado na presença de carboidrato em conjunto com os AACR. Em relação à temperatura corporal, no grupo placebo houve uma diminuição em 20’ e 45’ diferente do basal. Agora em relação à escala subjetiva de percepção de esforço (RPE), observamos que o grupo placebo aumentou a RPE em função tempo, sendo esse aumento já percebido após 10 minutos da realização do protocolo, permanecendo aumentado em relação ao primeiro minuto. Comportamento similar foi observado para o grupo suplementado, onde tal aumento foi percebido a partir do quinto minuto. Discussão e Conclusão: Mesmo que de forma preliminar a suplementação com carboidrato em conjunto com os AACR não se mostrou eficaz em atenuar, ou amenizar os efeitos psicobiológicos causados pelos efeitos de uma sessão aguda de exercício físico realizado na intensidade do limiar ventilatório I, durante 45 minutos. Mais estudos se mostram necessários para um melhor entendimento do problema sobre os mecanismos envolvidos na fadiga central e nas estratégias para intervir positivamente nesta síndrome.

Introduction: Several studies report a positive relationship between affective measures and exercise, however, for activities lasting longer than 30 minutes, depending on the workload, it is possible to see increased levels in relation to the perception of fatigue, which instigates the search strategies to reverse this situation, and the use of nutritional supplements of the most frequently used strategies. Objective: To investigate the effects of acute physical exercise on aerobic threshold intensity in the well being and mood in young adults undergoing carbohydrate plus BCAA (Branch Chain Amino Acids) supplementation. Methods: Seven healthy male volunteers, mean (± standard deviation) age (25.00 ± 4.40) years, height (1.75 ± 0.06) cm, body mass (75.74 ± 10 , 07) kg, body mass index (BMI) (24.52 ± 1.97) kg/m2, and VO2 peak (39.62 ± 3.31) ml.kg.min-1 were subjected to two protocols rectangular load for 45 minutes performed on a leg cycle ergometer (Lode, Excalibur Sport 925900, Groningen, Netherlands), with a carbohydrate intake of BCAA ingestion and the other with placebo, which were offered in a randomized, double -blind. For psychobiological measures were applied an instrument that assesses the mood and one that assesses aspects of well-being. This evaluation was performed at different times: before, immediately after, 30 'and 60' after the end of the protocol. The instruments used were: 1) Brunel Mood Scale (BRUMS) - measures the mood, 2) Scale of Subjective Exercise Experience (SEES) - measures affective responses induced by exercise. The volunteers were encouraged to maintain the same standard food in three days leading up to the protocols, and before each of the experimental conditions, fasted for 4 hours. The interval between the protocols was 7 days, the study was approved by the Ethics Committee of Universidade Federal de São Paulo / Hospital São Paulo (# 1713/08). Results: The comparison group showed no attenuation of psychobiological responses in the condition of exercise performed in the presence of carbohydrate in conjunction with the BCAA. In relation to body temperature, in the placebo group there was a decrease in 20 'and 45' different from baseline. Now in relation to the subjective scale of perceived exertion (RPE), we observed that the placebo group increased RPE vs. time, and this increase has already seen 10 minutes after the completion of the protocol and remained increased over the first minute. Similar behavior was observed for the supplemented group, where such an increase was seen from the fifth minute. Discussion and Conclusion: Even in a preliminary way with carbohydrate supplementation in conjunction with the BCAA was not effective in alleviating or mitigating the effects caused by the psychobiological effects of an acute bout of physical exercise on ventilatory threshold intensity I, for 45 minutes. More studies are needed to show a better understanding of the problem about the mechanisms involved in central fatigue and strategies to intervene positively in this syndrome
Keywords Suplementação
Exercício agudo
Humor
Bem-estar
Limiar aeróbio
Supplementation
Acute Exercise
Humor
Wellness
Aerobic threshold
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage ISS
Language Portuguese
Date 2011-12-05
Published in PAULA, Caio Simões de. Efeito de diferentes tipos de suplementação durante o exercício físico na intensidade do limiar aeróbio: um estudo sobre o humor e o bem-estar. 2011. 28 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Educação Física) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2011.
Knowledge area Promoção da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 28 f.
Access rights Open access Open Access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/51813

Show full item record




File

Name: CAIO SIMÕES DE PAULA.pdf
Size: 335.8Kb
Format: PDF
Description: TCC completo
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account