Classificação internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde e GMFM: Caracterização do ponto de vista funcional de sequelados de paralisia cerebral

Classificação internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde e GMFM: Caracterização do ponto de vista funcional de sequelados de paralisia cerebral

Author Silva, Louise Gracelli Pereira da Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Sá, Cristina dos Santos Cardoso de Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract A paralisia cerebral (PC) é conseqüência de uma lesão estática ocorrida no período pré, peri ou pós-natal que afeta o sistema nervoso central em fase de maturação estrutural e funcional. As manifestações funcionais dessa condição devem ser avaliadas individualmente, uma vez que o desempenho funcional é influenciado não só pelas propriedades intrínsecas do paciente, mas também pelas demandas específicas da tarefa e pelas características do ambiente no qual ele interage. O impacto funcional dessa condição tem, recentemente, despertado o interesse de profissionais que lidam com essa clientela. A OMS publicou a versão oficial CIF em língua portuguesa, um novo sistema de classificação que propõe uma abordagem biopsicossocial que incorpora três dimensões na qual cada nível age sobre e sofre a ação dos demais. A incorporação do uso da CIF nas práticas de atenção à saúde, embora já venha sendo adotada por diversos setores e equipes multidisciplinares, deve ser ainda amplamente explorada em relação à sua aceitabilidade e validade em diferentes áreas. Objetivo: Classificar, com base na CIF, as características da população da Associação dos Portadores de Paralisia Cerebral (APPC) localizada na cidade de Santos, enfocando a função e estrutura do corpo, na capacidade e participação social dos participantes e correlacioná-la com o GMFCS e a GMFM. Método: Participaram do estudo onze indivíduos com diagnóstico de PC atendidos na APPC, idade média de 17,1 (±4,12), dos quais 72,8% apresentavam o tipo espástico da PC. O grau de funcionalidade física pelo GMFCS apresentou distribuição heterogênea com 54,6% dos pacientes com níveis I e II, 9% com nível III e 36,4% com nível IV e V. Resultados: Os resultados mostram que quanto maior o nível do GMFCS, menor escore é obtido nas dimensões da GMFM. Além disso, quanto mais significativas as alterações de função e estrutura do corpo, menor o desempenho dos participantes. Conclusão: Apesar das dificuldades na aplicação da CIF, é possível a seleção dos códigos a serem utilizados em uma condição específica, sendo, então, aplicável em todas as faixas etárias. Além disso, a implantação desse novo paradigma deve ser amplamente explorada em relação à sua aceitabilidade e validade em diferentes áreas

Cerebral palsy (CP) is a consequence of a static lesion occurred in the pre, peri or postnatal that affects the central nervous system in the process of structural and functional maturation. Functional manifestations of this condition should be assessed individually, since the functional performance is influenced not only by the intrinsic properties of the patient but also by the specific demands of the task and the characteristics of the environment in which it interacts. The functional impact of this condition has recently attracted the interest of professionals dealing with this clientele. The WHO has published the official version ICF in Portuguese, a new classification system that proposes a biopsychosocial approach that incorporates three dimensions in which each level acts on and suffers the action of others. Incorporating the use of ICF in health care practices, although it will be adopted by various sectors and multidisciplinary teams, must still be extensively explored in relation to its acceptability and validity in different areas. Objectives: Sort based on the ICF the population characteristics of the Associação dos Portadores de Paralisia Cerebral (APPC) in the city of Santos, focusing on the structure and function of the body, ability and social participation of the participants and correlate it with the GMFCS and GMFM. Method: The study included eleven individuals diagnosed with CP treated at APPC, mean age 17.1 (± 4.12), of which 72.8% were type spastic CP. The degree of physical functioning at GMFCS showed heterogeneous distribution with 54.6% of patients with levels I and II, 9% with level III and 36.4% at levels IV and V. Results: The results show that the higher the level of the GMFCS, the lower score is obtained in the dimensions of the GMFM. Moreover, the more significant changes in structure and function of the body, the lower the participants' performance. Conclusion: Despite the difficulties in applying the ICF, it is possible the selection of codes to be used in a specific condition, and therefore being applicable in all age groups. Furthermore, the implementation of this new paradigm should be widely explored in relation to its acceptability and validity in different areas
Keywords Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde
Fisioterapia
Funcionalidade
GMFCS
GMFM
Paralisia Cerebral
International Classification of Functioning, Disability and Health
Physical therapy
Functioning
GMFCS
GMFM
Cerebral palsy
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage Santos
Language Portuguese
Date 2010
Published in SILVA, Louise Gracelli Pereira da. Classificação internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde e GMFM: Caracterização do ponto de vista funcional de sequelados de paralisia cerebral. 2010. 56 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Fisioterapia) - Instituto de Saúde e Sociedade (ISS), Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Santos, 2010.
Knowledge area Promoção, prevenção e reabilitação em saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 56 f.
Access rights Open access Open Access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/51642

Show full item record




File

Name: TCC_LouiseGracelli.pdf
Size: 595.4Kb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account