Bosentana no tratamento de úlceras de extremidades refratárias na esclerose sistêmica

Bosentana no tratamento de úlceras de extremidades refratárias na esclerose sistêmica

Alternative title Bosentan in the treatment of refractory extremities ulcers in systemic sclerosis
Author Mariz, Henrique de Ataíde Autor UNIFESP Google Scholar
Corrêa, Marcelo José Uchôa Autor UNIFESP Google Scholar
Kayser, Cristiane Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract INTRODUCTION: Vasculopathy is a hallmark of systemic sclerosis (SSc) and may lead to complications such as ischemic ulcers, necrosis or amputation of fingers or lower limbs. Bosentan is a dual endothelin receptor antagonist currently used for prevention of digital ulcers in SSc. OBJECTIVE: To evaluate the efficacy of bosentan in the treatment of recurrent and refractory extremity ulcers in patients with SSc. PATIENTS AND METHODS: An open and observational study was performed with three patients from the Rheumatology Division of UNIFESP aged 31, 58 and 61 years with diagnosis of SSc. All patients presented one or more active extremity ulcer refractory to conventional treatment. The first one (P1) presented one digital ulcer; P2 presented three ulcers on the right lower limb; and P3 presented an ulcer on the right digit, leg and heel, and on left maleolar region. Bosentan was prescribed in a dose regimen of 62.5 mg twice a day for 4 weeks, followed by 125 mg twice a day for additional 4 or 8 weeks. All patients were evaluated regarding the number and diameter of the ulcers in weeks 0, 4, and 8, and one of them in week 12 as well. RESULTS: After the treatment with bosentan all patients presented complete resolution or reduction in the diameter of the ulcers. None of the patients presented a new ulcer. CONCLUSION: Bosentan was an effective treatment in refractory extremities ulcers and in the prevention of new ulcers in three SSc patients suggesting that this medication could be an option for patients with severe vascular involvement.

INTRODUÇÃO: Acometimento vascular é uma manifestação central da esclerose sistêmica (ES) e pode levar a complicações como úlceras, gangrena ou amputação de extremidades. Bosentana é um medicamento antagonista dos receptores da endotelina utilizado na prevenção de úlceras digitais na ES. OBJETIVO: Avaliar a eficácia de bosentana em úlceras de extremidades recorrentes e refratárias em pacientes com ES. PACIENTES E MÉTODOS: Realizamos estudo aberto e observacional em três pacientes com diagnóstico de ES provenientes do Ambulatório de ES da UNIFESP com idades de 31, 58 e 61 anos. Todas apresentavam uma ou mais úlceras de extremidades ativas que não haviam respondido ao tratamento convencional: paciente P1 com uma úlcera digital; P2 com três úlceras em membro inferior direito; e P3 com úlcera em dígito, perna, e calcanhar direitos e maléolo esquerdo. Bosentana foi administrado na dose de 62,5 mg VO duas vezes ao dia por quatro semanas, seguido por 125 mg duas vezes ao dia por mais quatro ou oito semanas. As pacientes foram avaliadas quanto ao número e ao diâmetro das úlceras em três momentos: no início deste estudo, após quatro semanas e após oito semanas. A paciente mais grave foi também avaliada após 12 semanas. RESULTADOS: Após tratamento com bosentana, todas apresentaram cicatrização ou diminuição no diâmetro das úlceras. Nenhuma paciente apresentou surgimento de novas úlceras. CONCLUSÃO: O tratamento com bosentana se mostrou eficaz na prevenção do surgimento de novas úlceras em curto prazo e na cicatrização de úlceras de extremidades em três pacientes com ES. Sugere-se assim, que a droga possa ser uma opção terapêutica nos pacientes com acometimento vascular grave.
Keywords systemic sclerosis
Raynaud´s phenomenon
ischemic ulcers
endothelin
bosentan
esclerose sistêmica
fenômeno de Raynaud
úlceras isquêmicas
endotelina
bosentana
Language Portuguese
Date 2009-06-01
Published in Revista Brasileira de Reumatologia. Sociedade Brasileira de Reumatologia, v. 49, n. 3, p. 254-264, 2009.
ISSN 0482-5004 (Sherpa/Romeo)
Publisher Sociedade Brasileira de Reumatologia
Extent 254-264
Origin http://dx.doi.org/10.1590/S0482-50042009000300007
Access rights Open access Open Access
Type Article
SciELO ID S0482-50042009000300007 (statistics in SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5081

Show full item record




File

Name: S0482-50042009000300007.pdf
Size: 1.912Mb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account