Efeitos De Uma Intervenção Dietética Com Elevado Teor De Proteínas Em Parâmetros De Sono, Composição Corporal E Metabólicos Em Indivíduos Obesos Com Apneia Obstrutiva Do Sono

Efeitos De Uma Intervenção Dietética Com Elevado Teor De Proteínas Em Parâmetros De Sono, Composição Corporal E Metabólicos Em Indivíduos Obesos Com Apneia Obstrutiva Do Sono

Author Melo, Camila Maria De Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Mello, Marco Tulio De Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Psicobiologia
Abstract Background: Obesity represents the major risk factor for the development od Obstructive sleep apnea (OSA) and weight loss can contributes with OSA and metabolic improvements. Diets with higher protein contents have been used successfully to weight loss in obese individuals. Aims: To evaluate the effects of an intervention with moderate energy restriction and high protein content on body composition, energy expenditure, risk factors for chronic diseases and sleep parameters in obese and OSA patients. Methods: Male, obese and OSA patients were included in the study. Participants were distributed into two dietary intervention groups of one month duration. Both groups were instructed to follow a 30% of total energy expenditure energy restriction diet. The control group (CTL) consumed a normal macronutrient composition diet (0.8g of PTN/kg/day), and the protein group (PTN) was instructed to consume a high protein diet (1.6g of PTN/Kg/day). Before and after the intervention, all participants were submitted to the following evaluations: nocturnal polysomnography, body composition measurements by plethysmography, resting energy expenditure (GER) by indirect calorimetry, food consumption, blood collection for glucose, lipide and hormonal profile determination. Results: There were no differences in body composition, GER and energy intake among OSA severity groups. The mean reduction in body mass was similar in both groups (-3.7 ± 2.0% for the CHO group and -4.0 ± 1.5% for the PTN group). Changes in anthropometric measurements and body composition were also similar among groups. There were no significant changes in resting energy expenditure between groups, but a reduction of ≈180kcal / day in the CHO group and 110kcal / day was observed. There was a 38% reduction in AHI in the CHO group and 46% in the PTN group. In addition, both interventions were able to contribute to reducing metabolic diseases risk. Conclusion: We concluded that only one month of diet intervention for weitgh loss with moderate energy restriction result in significant improvements in OSA severity and metabolic profile. Also, increased protein intake during a short-term intervention does not present any additional effects on OSA severity, body composition, GER and biochemical parameters than a normal composition diet.

Introdução: A obesidade é fator de risco mais importante para o desenvolvimento da Apneia Obstrutiva do Sono. Estratégias que promovam a redução de peso corporal podem contribuir com redução da gravidade da doença, além de melhoras metabólicas e diminuição no risco de doenças. Dietas com teores aumentados de proteína são utilizadas com sucesso para a perda de peso em indivíduos obesos. Objetivos: Avaliar os efeitos de um intervenção dietética com teor elevado de proteínas na composição corporal, gasto energético de repouso, parâmetros metabólicos e de sono em homens com apneia obstrutiva do sono. Métodos: Pacientes obesos, diagnosticados com Apneia Obstrutiva do Sono, do sexo masculino foram incluídos no estudo. Os participantes foram distribuídos em dois grupos de intervenção dietética com duração de um mês. Ambos os grupos foram orientados a seguir uma dieta calculada para resultar em restrição calórica de 30% do gasto energético total. O grupo controle (CTL) consumiu uma dieta de composição normal de macronutrientes (0,8g de proteínas/kg/dia), enquanto que o grupo proteína (PTN) foi orientado a consumir uma dieta com teor elevado de proteínas (1,6g de proteínas/kg/dia). Todos os participantes foram submetidos as seguintes avaliação antes e após a intervenção: exame de polissonografia noturna, medidas de composição corporal por pletismografia, gasto energético de repouso (GER) por calorimetria indireta, avaliações de consumo alimentar e coleta de sangue para dosagem de marcadores do perfil lipídico, glicídico e hormonal. Resultados: Ao final da intervenção, a redução média na massa corporal foi semelhante nos dois grupos (-3,7±2,0% para o grupo CTL e -4,0±1,5% para o grupo PTN). Foi observado um efeito apenas do tempo, e não dos diferentes protocolos testados, em medidas antropométricas e de composição corporal, como percentual de gordura corporal e massa corporal magra. Não foram observadas alterações significativas no gasto energético de repouso entre os grupos, porém foi observada uma redução de ≈180kcal/dia no grupo CHO e ≈110kcal/dia. Observou-se uma redução de 38% no IAH no grupo CHO e 46% no grupo PTN. Além disso, ambas as intervenções propostas no presente estudo foram capazes de contribuir para a xiii melhora no risco de doenças metabólicas dos pacientes, com redução significativa na glicemia e insulina de jejum, colesterol total e triacilgliceróis plasmáticos. Conclusão: Conclui-se que apenas um mês de restrição calórica moderada pode resultar em melhorias significativas na gravidade da Apneia Obstrutiva do Sono. Além disso, o aumento da ingestão proteica em uma intervenção de curto prazo não apresenta efeitos adicionais na gravidade da Apneia Obstrutiva do Sono, composição corporal, gasto energético de repouso e parâmetros bioquímicos do que uma dieta recomendada.
Keywords Sleep
Apneia
Obesidade
Sono
Language Portuguese
Sponsor Associação Fundo de Incentivo à Pesquisa (AFIP)
Centro de Estudos em Psicobiologia do Exercício (CEPE)
Centro de Estudos Multidiscipinar em Sonolência e Acidentes (CEMSA)
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Fundação Lemann
Grant number FAPESP: 2012/09100-2
Date 2017-05-31
Published in MELO, Camila Maria De. Efeitos De Uma Intervenção Dietética Com Elevado Teor De Proteínas Em Parâmetros De Sono, Composição Corporal E Metabólicos Em Indivíduos Obesos Com Apneia Obstrutiva Do Sono. Tese (Doutorado em Ciências) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2017.
Research area Privação De Sono Em Seres Humanos E Modelos Animais
Knowledge area Medicina E Biologia Do Sono
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 64p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=5072663
Access rights Open access Open Access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/50419

Show full item record




File

Name: 2017 MELO, CAMILA MARIA DE.Doutorado.pdf
Size: 3.181Mb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account