Influência da propaganda e do estado emocional sobre o comportamento alimentar

Influência da propaganda e do estado emocional sobre o comportamento alimentar

Author Silva, Laryssa Beatriz de Melo Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Céspedes, Isabel Cristina Autor UNIFESP Google Scholar
Abstract O comportamento alimentar pode sofrer influências diversas, como as condições sociais, biológicas, demográficas e culturais. Os Transtornos Alimentares são distúrbios que apresentam etiologia multifatorial, podendo ser classificados em três tipos mais frequentes, como: Anorexia Nervosa, Bulimia Nervosa e Transtorno de Compulsão Alimentar Periódica. A mídia tem sido apontada como um veículo que estabelece concepções nutricionais e padrão de consumo, tornando o público vulnerável a adotar aquilo que é valorizado pela mesma, sendo necessária investigação sobre esta influência exercida. Este estudo teve por objetivo relacionar os elementos de percepção individual utilizados em propagandas e o estado emocional dos indivíduos com o seu comportamento alimentar. Fizeram parte do estudo 30 universitários do campus Baixada Santista da UNIFESP, com idade entre 18 a 30 anos. Foram utilizados quatro instrumentos ao todo, sendo o Questionário de Frequência Alimentar (QFA) para avaliação do consumo habitual dos indivíduos, o Inventário de Beck para Depressão (Beck Depression Inventory – BDI) para avaliação de traços de depressão; o Inventário de Ansiedade Traço-Estado (IDATE) para análise da ansiedade e o ZMET (Zaltman Metaphor Elicitation Technique) para conhecimento dos pensamentos dos indivíduos. Com este trabalho, pudemos concluir que em uma população jovem, universitária, predominantemente feminina, mostrou que seu comportamento alimentar é influenciado por seu estado de ansiedade, pelas redes sociais, pela mídia em geral e pela família em menor escala. O grupo denominado de alto consumo para alimentos ultraprocessados ou palatáveis esteve mais relacionado ao alto traço de ansiedade como parte integrante de seu estado emocional e com maior frequência de diagnóstico de ansiedade patológica. Este grupo não esteve mais associado a depressão em relação ao grupo denominado de baixo consumo de alimentos ultraprocessados.
Keywords comportamento alimenta
propaganda
consumo de alimentos
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage Instituto de Saúde e Sociedade (ISS)
Language Portuguese
Date 2018-12-12
Published in SILVA, Laryssa Beatriz de Melo. Influência da propaganda e do estado emocional sobre o comportamento alimentar. 2018. 12 p. Trabalho de conclusão de curso (Graduação - Nutrição) -- Instituto Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2018.
Knowledge area Nutrição
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 12 p.
Access rights Closed access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/49778

Show full item record




File

Name: LaryssaMelo ResumoExpandido 2018.pdf
Size: 679.5Kb
Format: PDF
Description: Resumo Expandido TCC
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account