Estudo de seguimento de quatro anos de uma coorte de indivíduos expostos a violência urbana

Estudo de seguimento de quatro anos de uma coorte de indivíduos expostos a violência urbana

Author Costa, Mariana Cadrobbi Pupo Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Mello, Marcelo Feijo de Mello Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Psiquiatria e Psicologia Médica
Abstract Investigar o curso clínico de indivíduos expostos à violência urbana, que desenvolveram ou não o Transtorno de Estresse Pós-traumático (TEPT), os fatores clínicos e demográficos associados ao seu prognóstico e sua associação com a qualidade de vida. Método: Estudo de seguimento de uma coorte de 267 indivíduos expostos à violência urbana, com e sem TEPT, procedentes de um estudo epidemiológico e de um programa ambulatorial. Foram investigados os sintomas e outras medidas, em dois momentos, com intervalo de quatro anos. Resultados: 197 indivíduos foram incluídos na segunda avaliação. Em geral, houve melhora na gravidade do TEPT, depressão e ansiedade. Embora 40,4% dos casos de TEPT tenham remitido, 22,3% ainda preenchiam critérios para TEPT e 37% ainda apresentavam cr itérios para TEPT subclínico após quatro anos. Os fatores de risco, história de abuso sexual na infância e múltiplos traumas, foram associados ao desenvolvimento do TEPT. Características associadas a remissão do quadro foram: ser jovem, apresentar poucos sintomas de esquiva , menos comorbidade com depressão, trauma com ausência de lesão, ausência de história de abuso sexual na infância e de novas experiências traumáticas. Indivíduos que mantiveram o curso crônico do TEPT apresentaram mais sintomas de esquiva logo após o trauma e mais traumas com lesão . A gravidade dos sintomas do TEPT foi associada ao empobrecimento da qualidade de vida nesta amostra. Conclusão: Os resultados apontam o TEPT com um transtorno crônico e disfuncional. Fatores pré-traumáticos como, abuso sexual e história de múltiplos traumas podem influenciar no desenvolvimento do TEPT. Fatores como idade, traumas com lesões físicas, abuso sexual, sintomas de depressão e ansiedade e novas experiências traumáticas estã o associados `a trajetória do TEPT em indivíduos expostos a violência urbana.
Keywords transtorno do estresse pós traumático
qualidade de vida
violência urbana
estudo coorte
trajetória do tept
Language Portuguese
Date 2014-06-25
Published in COSTA, Mariana Cadrobbi Pupo. Estudo de seguimento de quatro anos de uma coorte de indivíduos expostos a violência urbana. 2014. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2014.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=843844
Access rights Closed access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/49002

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account