Sistemas odontológicos de gerenciamento clínico e administrativo: utilização e avaliação

Show simple item record

dc.contributor.advisor Marin, Heimar de Fatima Marin [UNIFESP] pt
dc.contributor.author Finkelsztain, Renata Abramovicz [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2018-07-30T11:53:41Z
dc.date.available 2018-07-30T11:53:41Z
dc.date.issued 2015-11-08
dc.identifier https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=3328597 pt
dc.identifier.citation FINKELSZTAIN, Renata Abramovicz. Sistemas odontológicos de gerenciamento clínico e administrativo: utilização e avaliação. 2015. 76 f. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/48876
dc.description.abstract Por ser um profissional tido como inovador e visionário, o cirurgião dentista costuma ser um grande consumidor de tecnologias. Dessa forma, os computadores e as tecnologias de informação, bem como os sistemas de gerenciamento administrativo e registro clínico veem se tornando cada vez mais presentes nos consultórios odontológicos. Apesar desse aumento na frequência de uso das tecnologias de informação, como os cirurgiões dentistas não possuem um treinamento adequado para seu uso, muitas vezes os recursos disponíveis não são correta e/ou completamente utilizados, e o cenário obtido é o de consultórios computadorizados, porém não necessariamente informatizados. O objetivo desse estudo foi identificar as tecnologias utilizadas por um grupo de cirurgiões dentistas, bem como avaliar o uso de tecnologias de informação e de sistemas de gerenciamento administrativo e registro clínico. Para isso foi realizado um estudo de caso com duas abordagens: entrevistas estruturadas que foram realizadas por telefone e observações diretas do trabalho diário de cirurgiões dentistas por meio de uma etnografia de curta duração. Dos 77 consultórios contatados, somente dois não possuíam computador. Em 43 consultórios é utilizado sistema de gerenciamento, sendo que oito deles são paperless. As observações foram realizadas em oito consultórios: quatro com prontuários em papel, dois mantendo registros duplicados, papel e eletrônico, e dois paperless. Os dentistas dos consultórios paperless enalteceram as vantagens administrativas dos sistemas e em nenhum dos consultórios observados houve relato por parte dos dentistas de que o sistema melhora o atendimento clínico propriamente dito. A falta de pesquisas nessa área sugere a necessidade de realizar-se mais estudos de usabilidade e implementação desses sistemas aumentando a adoção dos mesmos. pt
dc.format.extent 76 p.
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso restrito
dc.subject registros eletrônicos de saúde pt
dc.subject registros odontológicos pt
dc.subject estudo de caso pt
dc.title Sistemas odontológicos de gerenciamento clínico e administrativo: utilização e avaliação pt
dc.type Tese de doutorado
dc.contributor.institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) pt
dc.identifier.file 2015-0436.pdf
dc.description.source Dados abertos - Sucupira - Teses e dissertações (2013 a 2016)
unifesp.campus São Paulo, Escola Paulista de Medicina (EPM) pt
unifesp.graduateProgram Gestão e Informática em Saúde pt
unifesp.knowledgeArea Multidisciplinar pt
unifesp.researchArea Interdisciplinar pt



File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search


Browse

Statistics

My Account