Comparação entre exercícios perineais e exercícios sexuais como método de tratamento fisioterapêutico na disfunção orgásmica feminina

Comparação entre exercícios perineais e exercícios sexuais como método de tratamento fisioterapêutico na disfunção orgásmica feminina

Author Gouveia, Priscila Fernandes Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Silva, Ivaldo da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Medicina (Ginecologia)
Abstract Objectives: To compare the perineal exercises and sexual exercises as a physiotherapeutic treatment method in female orgasmic dysfunction. Methods: Patients were randomized and compared in a descriptive study with 32 women, in two groups: sexual exercises (SE) and sexual and perineal exercises (SPE). The groups were evaluated using an evaluation containing personal informations, personal history, and information about sexual life. Were then evaluated the pelvic floor muscle function through the scales AFA and PERFECT Scheme by bidigital palpation and was collected the questionnaire ?Sexual Quotient - Female Version? for the evaluation of sexual function. The patients in group SE received an explanatory booklet with information and exercises to facilitate the obtaining orgasm and were instructed to follow the guidelines of the booklet three times a day, returning to the clinic after one and two months of delivery of the booklet for further evaluation. Since the patients in the SPE, in addition to receiving the same instructions given to the SE group, underwent two perineal exercises protocols, similar and progressive in outpatient clinics, where patients underwent exercise once a week and another in the household, oriented be done once a day. After ten weeks of perineal exercises, the patient returned to the quiz "SQ-F" being questioned about having an orgasm and passed the final evaluation of the pelvic floor. Results: Were included in this study 14 patients, five in the SE group and nine in group SPE. Our findings showed that 80% of patients in the SE group were able to achieve orgasm through masturbation alone. Moreover, 40% of patients of this group were able to achieve orgasm in masturbation in the presence of the partner, while this figure ranged from 11.1 to 22.2% in the SPE group. Regarding the assessment of muscle function, the results showed an improvement, evidenced by the AFA and PERFECT scales pre and post intervention and the mean scores of the ?SQ-F?. Conclusions: Sex education is extremely important in the treatment of anorgasmia. Stimulate the masturbation and fantasy are essential to the understanding of erotic points. The rehabilitation program improves the pelvic floor perineal muscle strength, sensitivity and awareness perineal, and genital pleasure during intercourse, and sexual quality, evidenced by the ?SQ-F?.

Objetivos: Comparar os exercícios perineais e exercícios sexuais como método de tratamento fisioterapêutico na disfunção orgásmica feminina. Métodos: Foram randomizados e comparados, em estudo descritivo com 32 mulheres, dois grupos: exercícios sexuais (ES) e exercícios sexuais e perineais (ESP). Os grupos foram avaliados por meio de ficha de avaliação contendo dados pessoais, antecedentes pessoais, e informações sobre vida sexual. Em seguida, foram avaliadas quanto a função muscular do assoalho pélvico através das escalas AFA e Esquema PERFECT por meio de palpação bidigital e foi preenchido o questionário ?Quociente Sexual - Versão Feminina?, para a avaliação da função sexual. As pacientes do grupo ES receberam um folheto explicativo com informações e exercícios sexuais para facilitar a obtenção do orgasmo e foram instruídas a seguirem as orientações deste três vezes ao dia, retornando ao ambulatório após um e dois meses da entrega do folheto para reavaliação. Já as pacientes do grupo ESP, além de receberem as mesmas orientações dadas ao grupo ES, passaram por dois protocolos de exercícios perineais, similares e progressivos no ambulatório, onde a paciente realizou exercícios uma vez por semana e outro no próprio domicílio, orientado para ser realizado uma vez ao dia. Passadas as dez semanas de exercícios perineais, a paciente retornou ao ambulatório para responder ao questionário ?QS-F?, sendo interrogada sobre a obtenção do orgasmo e passou pela avaliação final do assoalho pélvico. Resultados: Foram incluídas neste estudo 14 pacientes, sendo cinco no grupo ES e nove no grupo ESP. Nossos achados demonstraram que 80% das pacientes do grupo ES conseguiram alcançar o orgasmo através da masturbação sozinha. Além disso, 40% das pacientes do mesmo grupo conseguiram alcançar o orgasmo na masturbação na presença do companheiro, enquanto este número oscilou de 11,1 a 22,2% no grupo de ESP. Com relação à avaliação da função muscular, os resultados mostraram que houve melhora, comprovado pelas escalas AFA e PERFECT pré e pós intervenção e pelas médias dos escores do ?QS-F?. Conclusões: A educação sexual é de extrema importância no tratamento da anorgasmia. A masturbação e o estímulo à fantasia são imprescindíveis para o conhecimento dos pontos eróticos. O programa de reabilitação do assoalho pélvico melhora a força muscular perineal, a sensibilidade econsciência perineal, e o prazer genital durante a penetração, além da qualidade sexual, comprovado pelo QS-F.
Keywords períneo
reabilitação
orgasmo
Language Portuguese
Date 2014-07-30
Published in GOUVEIA, Priscila Fernandes. Comparação entre exercícios perineais e exercícios sexuais como método de tratamento fisioterapêutico na disfunção orgásmica feminina. 2014. 85 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2014.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 85 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=1970631
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/48809

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account