Análise dos perfis proteômico e lipidômico de líquido folicular de pacientes com endometriose e endometrioma submetidas ao tratamento de fertilização in vitro

Análise dos perfis proteômico e lipidômico de líquido folicular de pacientes com endometriose e endometrioma submetidas ao tratamento de fertilização in vitro

Author Regiani, Thais Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Lo Turco, Edson Guimaraes Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Medicina (Urologia)
Abstract Objetivo: Determinar o perfil proteico e lipídico do líquido folicular de pacientes com endometriose e endometrioma submetidos ao tratamento de fertilização in vitro determinando assim possíveis candidatos proteicos e lipídicos para a endometriose. Métodos: Amostras do líquido folicular de 10 mulheres com endometriose grau III ou IV, diagnosticadas por videolaparoscopia, e seus respectivos endometriomas ovarianos, foram coletadas. O grupo controle foi composto por 10 mulheres que tiveram sucesso na gravidez após o tratamento de fertilização in vitro. Para proteômica as amostras foram agrupadas em pools, de acordo com a concentração de proteínas das mesmas e para essa análise utilizou-se a técnica de 2D nanoUPLC-ESI-MSE. O processamento dos espectros e a identificação das proteínas, foram realizados com auxílio do software ProteinLynx Global Server v.2.5 (PLGS). As redes biológicas foram produzidas no programa Cytoscape 2.8.2 com o plugin ClueGO. Para a análise de lipidômica, realizouse a extração de lipídeos, utilizando o protocolo de Bligh e Dyer. A fase apolar foi analisada por um espectrômetro do tipo ESI-QTOF, em modo positivo e a análise estrutural dos possíveis biomarcadores foram realizadas por análise de MS/MS. Resultados: Um total de 535 proteínas foram identificadas e quantificadas. Entre as proteínas exclusivas e/ou diferencialmente expressas, 33 pertencem ao grupo Controle, 41 ao grupo Endometriose (OSE) e 212 ao grupo Endometrioma (OMA). Pela análise de enriquecimento funcional pôde-se observar no grupo OSE a presença de funções de regulação relacionadas à secreção de citocinas, processos de coagulação, transporte, ligação e metabolismo de esteroides. No grupo OMA foi possível encontrar proteínas relacionadas ao aumento dos danos de DNA, ao processo inflamatório, estresse oxidativo, apoptose e produção exacerbada de espécies reativas ao oxigênio. Na análise de lipidômica, no grupo controle foram encontradas fosfatidilglicerol fosfato, fosfatidilcolina, fosfatidilserina e fosfatidilnositol bifosfato. Nos grupos de estudo as subclasses lipídicas hiper-representas foram: fosfatidilcolina e esfingomielina. Conclusões: O perfil de proteínas e lipídeos é diferente entre mulheres com e sem endometriose. As alterações de ambos os perfis do líquido folicular mostraram que essa doença pode afetar a fisiologia folicular.
Keywords endometriose
endometrioma
proteômica
lipidômica
líquido folicular
Language Portuguese
Date 2013-05-14
Published in REGIANI, Thais. Análise dos perfis proteômico e lipidômico de líquido folicular de pacientes com endometriose e endometrioma submetidas ao tratamento de fertilização in vitro. 2013. 95 f. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2013.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 95 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=104426
Access rights Closed access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/48407

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account