Análise da composição corporal em homens brasileiros: dados normativos

Análise da composição corporal em homens brasileiros: dados normativos

Author Barbosa, Marcela Ushida Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Szejnfeld, Vera Lucia Szejnfeld Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Ciências da Saúde Aplicadas à Reumatologia
Abstract Introdução: Considerando as diferenças étnicas e antropométricas entre populações, é importante obter dados normativos específicos para cada população. Dessa forma, o objetivo desse estudo foi obter a curva de normalidade de homens brasileiros e comparar com dados da população masculina norteamericana. Pacientes e métodos: Um total de 403 brasileiros homens saudáveis com idade acima de 20 anos foi incluído neste estudo. Detalhes sobre doenças concomitantes foram avaliados por questionário. Condições que pudessem interferir na proporção da massa magra e gorda foram excluídos. As medições da CC foram obtidas por DXA de corpo inteiro em aparelho GE-Lunar. P < 0,05 foi considerado significativo. Resultados: A média da idade e o índice de massa corporal (IMC) foram 46,0±17,9 anos, 26,2±3,14kg/m2 respectivamente. A média do índice de massa magra apendicular (IMMA) foi 8,38±0,85kg/m2 e massa magra apendicular pelo IMC (MMAIMC) foi 0,949±0,138, gordura corporal (GC) e índice de massa gorda (IMG) foi de 27,3±7,46% e 6,87±2,43kg/ m2, respectivamente. Houve associação negativa e significativa entre IMMA (p<0,001), MMAIMC (p<0,001) e IMG (p=0,002) com a idade. Em comparação com o National Health and Nutrition Examination Survey (NHANES III), homens brasileiros têm baixa IMG e GC (p<0,05) quando comparados ao banco de dados Hologic. Entretanto essa diferença foi minimizada após a conversão dos resultados do NHANES para Lunar GE. Conclusão: Homens brasileiros apresentam menor IMMA do que os norteamericanos quando comparados aos dados do NHANES III (Hologic). Todavia o IMG foi menos influenciado pela etnia do que o IMC, GC e medidas de cinturas e poderia ser utilizado como medida padrão para aferir excesso de gordura ou adiposidade. Apesar disso, nossos dados sugerem que a conversão para cada fabricante deveria ser realizado para minimizar as diferenças nas medidas de composição corporal entre as populações.
Keywords composição corporal
massa magra
massa gorda
dxa
homens brasileiros
Language Portuguese
Date 2015-09-18
Published in BARBOSA, Marcela Ushida. Análise da composição corporal em homens brasileiros: dados normativos. 2015. 93 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015.
Research area Medicina
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 93 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=2537196
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/48289

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account