Determinação de cádmio, crômio e mercúrio por espectrometria de fluorescência de raios x em cooperativas de reciclagem da Região Metropolitana de São Paulo

Show simple item record

dc.contributor.advisor Assuncao, Nilson Antonio de Assuncao [UNIFESP] pt
dc.contributor.author Vieira, Willian de Oliveira Novais [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2018-07-30T11:45:31Z
dc.date.available 2018-07-30T11:45:31Z
dc.date.issued 2015-05-15
dc.identifier https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=2626064 pt
dc.identifier.citation VIEIRA, Willian de Oliveira Novais. Determinação de cádmio, crômio e mercúrio por espectrometria de fluorescência de raios x em cooperativas de reciclagem da Região Metropolitana de São Paulo. 2015. 58 f. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Diadema, 2015.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47972
dc.description.abstract Throughout history humans have been exposed to various elements present in nature and substances derived from their activities, with the technological advances and the possibility of electronic purchase this exhibition became pronounced, especially in recycling cooperatives where the amount of such equipment It is high. For lack of information handling them inappropriately collectors materials and also do not use the proper protective equipment which enhances exposure to toxic waste. The amount, the route and the exposure period are decisive factors in determining the risk that each element is to the health of workers and can cause acute or chronic poisoning. We evaluated the concentration of metals: cadmium, chromium and mercury in 18 recycling cooperatives in the metropolitan region of São Paulo. These elements were chosen because of their impact on the environment; particularly industrialized regions like the city of Diadema and present a major risk to human health. Analyses were carried out in partnership with the GEA Institute - Ethics and Environment, and the elements were determined by fluorescence spectrometry X-rays, using portable instrument. The metals were determined in soils, workspaces and public contact sites in cooperatives, and their concentrations ranged from 7 ± 1-5706 ± 811 (ppm). In some analyzes it was observed standard deviations above average, suggesting occasional contamination. In general, the concentrations of metals in the samples are above the levels permitted or recommended by national and international standards, and in some cases, there are differences between the regulatory agencies as the maximum tolerable limits, but there is agreement on the potential risk exposure the metals poses to human health and the environment. en
dc.description.abstract Ao longo da história os seres humanos foram expostos a diversos elementos presentes na natureza e substâncias oriundas de suas atividades, com os avanços tecnológicos e a possibilidade de aquisição de eletroeletrônicos esta exposição se tornou acentuada, em especial nas cooperativas de reciclagem onde a quantidade destes equipamentos é elevada. Por falta de informação os catadores manuseiam de forma inadequada os materiais e também não utilizam os devidos equipamentos de proteção o que potencializa a exposição a resíduos tóxicos. A quantidade, a via e o período de exposição são fatores decisivos para determinar o risco que cada elemento representa para a saúde dos trabalhadores, podendo ocasionar intoxicações agudas ou crônicas. Neste estudo foi avaliada a concentração dos metais: cádmio, crômio e mercúrio em 18 cooperativas de reciclagem da região metropolitana de São Paulo. Estes elementos foram escolhidos, devido sua incidência no meio ambiente, em especial regiões industrializadas como a cidade de Diadema e por apresentarem grande risco para a saúde humana. As análises foram realizadas em parceria com o Instituto GEA ? Ética e Meio Ambiente, e os elementos foram determinados por espectrometria de fluorescência de Raios-X, usando instrumento portátil. Os metais foram determinados em solos, áreas de trabalho e locais de contato público nas cooperativas, e suas concentrações variaram de 7 ±1 a 5706 ±811 (ppm). Em algumas análises foram observados desvios padrão acima da média, sugerindo contaminações pontuais. Em geral, as concentrações dos metais nas amostras estão acima dos valores permitido ou recomendado pelos parâmetros nacionais e internacionais, e em alguns casos, existem divergências entre as agências reguladoras quanto aos limites máximos toleráveis, porém há uma concordância quanto ao risco potencial que a exposição aos metais representa para a saúde humana e o meio ambiente. pt
dc.format.extent 58 p.
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso restrito
dc.subject toxic waste - heavy metals en
dc.subject cooperatives - recycling en
dc.subject cadmium en
dc.subject chromium en
dc.subject mercury en
dc.subject resíduos tóxicos pt
dc.subject metais pesados pt
dc.subject cooperativas pt
dc.subject reciclagem pt
dc.subject cádmio pt
dc.subject crômio pt
dc.subject mercúrio pt
dc.title Determinação de cádmio, crômio e mercúrio por espectrometria de fluorescência de raios x em cooperativas de reciclagem da Região Metropolitana de São Paulo pt
dc.type Dissertação de mestrado
dc.contributor.institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) pt
dc.identifier.file 2015-0082.pdf
dc.description.source Dados abertos - Sucupira - Teses e dissertações (2013 a 2016)
unifesp.campus Diadema, Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF) pt
unifesp.graduateProgram Ciência e Tecnologia da Sustentabilidade pt
unifesp.knowledgeArea Ciências exatas e da terra pt
unifesp.researchArea Química pt



File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search


Browse

Statistics

My Account