Processo de supervisão dos enfermeiros de unidade de terapia intensiva -um estudo de caso

Show simple item record

dc.contributor.advisor Tanaka, Luiza Hiromi Tanaka [UNIFESP] pt
dc.contributor.author Matias, Luciana de Oliveira [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2018-07-30T11:45:21Z
dc.date.available 2018-07-30T11:45:21Z
dc.date.issued 2016-06-29
dc.identifier https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=4011206 pt
dc.identifier.citation MATIAS, Luciana de Oliveira. Processo de supervisão dos enfermeiros de unidade de terapia intensiva -um estudo de caso. 2016. 241 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2016.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47889
dc.description.abstract This paper aims to analyze the process of clinical supervision for nurses working in an intensive care unit (ICU)and to describe the nursing care supervision actions carried out by these professionals. The study was conducted as exploratory research, based on the qualitative approach and on the case study methodology according to Yin?s proposal and within the theoretical and thematic framework of clinical nursing care supervision as a continuous educational process. The data were collected through participant observation and semi-structured interview with nurses working at the ICU of a large São Paulo university hospital (state of São Paulo). The data were analyzed by the method of content analysis, following Bardin and Bazeley?s descriptions, with two categories having emerged: A) the practice of supervision by an ICU nurse, and B) the process of clinical nursing care supervision. Some nurses saw supervision as the control ofthe activities performed by their team and they prioritized administrative activities in their routines, leading to conflicts among staff members. Others saw supervision as an attentive look atthe activities performed by their team, focusing on prevention of adverse outcomes and educational initiatives related to nursing care assistance, thus contributing to an open dialogue and a positive relationship among staff members. Regardless of the adopted conceptions and practices, the supervision process proved nonsystematic, empirical and fragmented. Therefore, there is need for investment in education programs for nurses, aiming to prepare them for a scientific and integrating exercise of the supervision practice, as well as a more critical approach to allow effective changes. en
dc.description.abstract Este estudo teve como objetivos apreender o processo de supervisão dos enfermeiros que atuam em uma unidade de terapia intensiva (UTI) e descrever as ações de supervisão de enfermagem realizadas por esses profissionais. Trata-se um estudo exploratório, na abordagem qualitativa, tendo como método de investigação o estudo de caso, baseado na proposta de Yin e, como referencial teórico-temático, supervisão de enfermagem como processo educativo contínuo. Os dados foram coletados por meio de observação participante e entrevista semiestruturada, com enfermeiros de uma UTI de um Hospital Universitário, de grande porte, da cidade de São Paulo (SP).Os dados foram analisados utilizando a técnica de análise de conteúdo, segundo as descrições de Bardin e Bazeley, a partir da qual emergiram duas categorias: A) Prática da supervisão pelo enfermeiro da UTI e, B) O processo de supervisão em enfermagem. Alguns enfermeiros compreenderam a supervisão como ato de controle das atividades praticadas pela sua equipe e priorizavam as atividades administrativas em seu cotidiano, resultando em uma relação de conflitos entre os membros da equipe. Outros entenderam a supervisão como olhar atento às atividades praticadas pela sua equipe, com ênfase na prevenção de eventos adversos e ações educacionais relacionadas à assistência de enfermagem, contribuindo para uma relação dialogada e positiva com sua equipe. Independentedas concepções e práticas adotadas, o processo de supervisão mostrou-se assistemático, empírico e fragmentado. Portanto, fazem-se necessários investimentos educacionais para os enfermeiros, a fim de desenvolvê-los para um exercício científico e integrador da prática de supervisão, bem como um posicionamento mais crítico, para que mudanças sejam efetivas. pt
dc.format.extent 241 p.
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso restrito
dc.subject supervision for nurses en
dc.subject health care administration en
dc.subject intensive care units en
dc.subject case study research en
dc.subject qualitative research methodologies en
dc.subject supervisão de enfermagem pt
dc.subject administração dos serviços de saúde pt
dc.subject unidades de terapia intensiva pt
dc.subject estudos de casos pt
dc.subject pesquisa qualitativa pt
dc.title Processo de supervisão dos enfermeiros de unidade de terapia intensiva -um estudo de caso pt
dc.type Dissertação de mestrado
dc.contributor.institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) pt
dc.identifier.file 2016-0320.pdf
dc.description.source Dados abertos - Sucupira - Teses e dissertações (2013 a 2016)
unifesp.campus São Paulo, Escola Paulista de Enfermagem (EPE) pt
unifesp.graduateProgram Enfermagem pt
unifesp.knowledgeArea Ciências da saúde pt
unifesp.researchArea Enfermagem pt



File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search


Browse

Statistics

My Account