Efeitos do uso de um software autoinstrucional no ensino do exame físico do recém-nascido a termo para estudantes do curso de graduação em enfermagem

Efeitos do uso de um software autoinstrucional no ensino do exame físico do recém-nascido a termo para estudantes do curso de graduação em enfermagem

Author Fernandes, Maria Das Gracas de Oliveira Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Ohara, Conceicao Vieira da Silva Ohara Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Enfermagem
Abstract Introduction: The learning process using educational softwares focus on students' learning and equip teachers to help them build their knowledge in an active and meaningful way. General Objectives: Analyze the effects of using a self instructional software in teaching full-term newborn physical examination to undergraduate Nursing students. Specific Objectives: Compare the cognitive learning between students using self instructional software and those using traditional lectures; evaluate cognitive learning before and after the software use and traditional lecture. Know students opinion about the use of software and lectures in classes. Methods: It is an experimental, controlled, randomic assay. A total of 165 undergraduate nursing students of a private school in São Paulo consent to be part of this study. They were randomly divided into two groups: control group (CG) (92 members) and experimental group (EG) (73). Students were tested before and after applying each learning method. EG used self instructional software and CG used traditional lectures, both with same content. Results: Statistical difference between both types of learning was not significant. Cognitive knowledge acquisition occurred in both groups. CG (92) got minimum 1.8, maximum 6.0 and mean 4.015 in pretest. In post-test, minimum was 2.8 and maximum 8.6, mean was 5.561. EG obtained minimum 2.0, maximum 7.0 and mean 4.052 in pretest. Post-test minimum was 1.2, maximum 8.6 and mean 5.573. Regarding the opinion of students on teaching methods, both groups stated that both methods are very good, EG (66.2%) considers that using the software helps in learning. CG (98.9%) stated that the lecture helps in learning. In EG, 58.8% affirm it was good learn through softwares; 98.6% said that the software was easy to use, 100% consider its language easy to understand; 93.1% stated that this type of teaching is stimulating; 79.1% want to use this tool more often. Conclusion: Results shows that self instructional software is a tool that provides sufficient knowledge acquisition about the content studied. Students consider that it eases the learning process. Comparison between the successes and failures in pre and post tests showed that there was knowledge gain to both participating groups.

Introdução: o processo educacional veiculado à utilização de software educativo está centrado na aprendizagem do estudante, que visa instrumentalizar o docente, servindo como uma ferramenta para auxiliá-lo a desempenhar sua função de levar o discente a construir seu conhecimento de forma ativa e com significado. Objetivos: Geral: analisar os efeitos do uso de um software autoinstrucional no ensino do exame físico do RNT com estudantes de Graduação em Enfermagem. Específicos: comparar a aprendizagem cognitiva de estudantes de Enfermagem no uso do software autoinstrucional com a aprendizagem obtida com aula expositiva; avaliar a aprendizagem cognitiva dos estudantes de Enfermagem adquirida antes e após-teste com uso do software e aula expositiva e verificar a opinião dos estudantes em relação ao uso do software e à aula expositiva. Método: pesquisa experimental, controlada, randomizada. Participaram 165 estudantes da Graduação em Enfermagem de uma universidade privada da cidade de São Paulo, que após assinatura do TCLE foram randomizados de forma aleatória e formaram-se o Grupo Controle (GC) (92 participantes) e o Grupo Experimental (GE) (73). O GE participou da modalidade de ensino por meio da utilização de um software autoinstrucional sobre exame físico do RNT em laboratório de informática e o GC, de aulas expositivas convencionais sobre o mesmo conteúdo ministrado na Graduação em Enfermagem. Resultados: demonstrou-se que não houve diferença estatisticamente significativa entre os rendimentos obtidos pelos estudantes nas duas modalidades de ensino. Mas ocorreu aquisição de conhecimento cognitivo do conteúdo que foi ministrado para ambos os grupos participantes da pesquisa, quando comparados os resultados das avaliações dos pré e pós-teste, onde o GC (92) obteve acertos mínimos de 1,8 e máxima de 6,0 com média de 4,015 no pré-teste. E no pós-teste, acertos mínimos 2,8, máximo 8,6, com média de 5.561. Já o GE obteve acertos mínimos 2,0, máximo de 7,0 e média 4,052 no pré-teste. No pós-teste, mínimo 1,2; máximo 8,6 e a média, 5,573. Em relação à opinião dos estudantes sobre as modalidades de ensino, os dois grupos avaliaram as duas modalidades como muito boas, sendo que o GE (66,2%) considera que utilizar o software autoinstrucional facilita a aprendizagem do exame físico do RNT e o GC (98,9 %) afirmou que a aula expositiva também facilita a aprendizagem do mesmo conteúdo. No GE, 58,8 % consideraram o ensino por meio de software autoinstrucional bom; 98,6 % afirmaram ter facilidade para usar o software; 100% consideraram a linguagem de fácil compreensão; 93,1% manifestaram que esse tipo de ensino é estimulante; 79,1% querem usar esta ferramenta com mais frequência nas disciplinas da Graduação em Enfermagem. Conclusão: os resultados demonstraram que o software autoinstrucional é uma ferramenta que propicia aquisição de conhecimento significativo sobre exame físico do RNT, pois os estudantes o consideram bom e que facilita a aprendizagem do conteúdo em questão. A comparação entre os acertos e erros no pré e pós-teste demonstrou que ocorreu ganho de conhecimento cognitivo para ambos os grupos participantes da pesquisa.
Keywords software
educational technology
newborn nursing
nursing education
software
tecnologia educacional
enfermagem neonatal
educação em enfermagem
Language Portuguese
Date 2016-10-25
Published in FERNANDES, Maria Das Gracas de Oliveira. Efeitos do uso de um software autoinstrucional no ensino do exame físico do recém-nascido a termo para estudantes do curso de graduação em enfermagem. 2016. 239 f. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2016.
Research area Enfermagem
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 239 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=4347243
Access rights Closed access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47840

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account