Mulheres na construção civil: entre deslocamentos e permanências

Mulheres na construção civil: entre deslocamentos e permanências

Author Landerdahl, Maria Celeste Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Villela, Wilza Vieira Villela Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Enfermagem
Abstract The aim of this study conducted with eight female construction workers, in the city of Santa Maria, RS, was to understand the impact that construction labor brings to the lives of women taking part in such an activity. The research was the exploratory kind, under qualitative approach. Data were collected over an interview, which was written later and semi-structured from two guiding questions relating to these women's life stories both before and after their working at construction sites. The analysis was done before the theoretical and methodological framework of Discourse Analysis of French tradition. The results have been analyzed based on polysemic processes andparaphrasticprocessses, which have originated shifts and continuities, respectively. In terms of shifts, we emphasize speeches that reveal attitudes of empowerment at the individual level; women realize that their new identity, which is under construction, enables them to ascend socially due to economic gain. This condition brings about major confrontations, especially in the workplace, leading to displacement in other fields where there is deprivation of liberty. In terms of continuities, the discrimination, prejudice and inequality unveil contexts that need to be constantly faced as a way of overcoming. Moral harassment happens as well, pointing out the reason that restricts women to places, which is historically, socially and culturally determined. It was, then, conluded that the economic empowerment that was achieved and proclaimed in public policies should be a means, not an end in itself;public policies on gender contribute bydrawing attention to necessary changes in the cultural field, an area that must suffer shifts in that women and society in general understand the equal rights and opportunities for men and women as a basic condition for achieving justice, citizenship and development.It is necessary to invest in initiatives that bring together the collective empowerment in development policies for women and for society in general. Also, it is needed tobring together this community empowerment at the individual or psychological empowerment that moneyprovides so as to shift sedimented structures which establish and maintain women restricted to certain areas. It takes involvement and dialogue, from thenursing areawith other disciplines, to enable the understanding of care as a dynamic construct, beyond the biological perception which is affirmed and reproduced in the hard and Cartesian model of academic thinking and doing. It is hoped that these findings will contribute to the evaluation, (re) orientation and the development of gender equality policies in Brazil.

O objetivo deste estudo realizado com oito trabalhadoras da construção civil no município de Santa Maria, RS, foi conhecer as repercussões que o trabalho na construção civil traz à vida de mulheres inseridas nesta atividade. É uma pesquisa do tipo exploratória, com abordagem qualitativa. Foi utilizada a história oral temática como dispositivo para produção de dados, cuja entrevista constou de duas questões norteadoras relativas à história das mulheres antes e após sua entrada no trabalho na construção civil. A análise foi realizada ante o referencial teórico-metodológico da Análise do Discurso de tradição francesa. Os resultados foram analisados com base em processos polissêmicos e em processos parafrásticos presentes nos discursos das participantes, os quais deram origem a deslocamentos e permanências, respectivamente. No nível dos deslocamentos, ressaltam-se discursos que revelam posturas de empoderamento em nível individual; as mulheres percebem que a nova identidade em construção possibilita que ascendam socialmente às custas do ganho econômico. Essa condição as instrumentaliza para enfrentamentos importantes, sobretudo no âmbito laboral, possibilitando deslocamento em outros campos nos quais exista privação de liberdade. No lado das permanências, a discriminação, o preconceito e a desigualdade desvelam contextos que precisam ser permanentemente questionados como forma de superação. O assédio moral aparece marcando o potencial que restringe as mulheres a lugares determinados histórica, social e culturalmente. Conclui-se que a autonomia econômica conquistada e apregoada nas políticas públicas deve ser um meio e não um fim em si mesma; que as políticas públicas em gênero contribuem sensibilizando para transformações necessárias no campo cultural, área que deve sofrer deslocamentos na medida em que as mulheres e a sociedade em geral entenderem a igualdade de direitos e oportunidades entre homens e mulheres como uma condição básica para o alcance da justiça, da cidadania e do desenvolvimento. É necessário investir em iniciativas que congreguem o empoderamento coletivo nas políticas de desenvolvimento para mulheres e para a sociedade em geral. É preciso, ainda, congregar esse empoderamento comunitário ao empoderamento individual ou psicológico que o dinheiro fornece, de forma a mexer com estruturas sedimentadas, cujos discursos definem e mantêm as mulheres restritas a alguns espaços. É preciso envolvimento e diálogo da enfermagem com outras áreas do saber, de modo a permitir a compreensão do cuidado enquanto construto dinâmico, indo além da percepção biológica que é afirmada e reproduzida no modelo rígido e cartesiano do pensar e do fazer acadêmico. Espera-se que esses resultados contribuam para a avaliação, a (re)orientação e a elaboração de políticas de igualdade de gênero no Brasil.
Keywords nursing
working women
discourse analysis
empowerment
oral history
enfermagem
trabalho feminino
análise do discurso
empoderamento
história oral
Language Portuguese
Date 2014-03-12
Published in LANDERDAHL, Maria Celeste. Mulheres na construção civil: entre deslocamentos e permanências. 2014. 137 f. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2014.
Research area Enfermagem
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 137 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=1620614
Access rights Closed access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47417

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account