Estudos de bioequivalência de brometo de n-butilescopolamina em forma de comprimidos e de seus metabólicos em plasma humano de voluntarios sadios

Estudos de bioequivalência de brometo de n-butilescopolamina em forma de comprimidos e de seus metabólicos em plasma humano de voluntarios sadios

Author Suenaga, Eunice Mayumi Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Nakaie, Clovis Ryuichi Nakaie Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Ciências Biológicas (Biologia Molecular)
Abstract The N-butylscopolamine bromide though a drug widely widespread and used as an antispasmodic, both in the population as in Worldwide, there are very few scientific papers published about him, especially in relation to its pharmacokinetics: absorption, metabolism and excretion. With the advance of techniques of separation and quantitation of chemical substances present in biological fluids and tissues, as well as the development of equipment with high sensitivity, capable of detecting traces, today we trace farrnacocinético profile of parent drug and metabolites, even those drugs considered action site with low absorption such as N-butyl scopolamine. In this work we developed three methods of extraction and detection by LCMS / MS capable of identifying N-butylscopolamine in human plasma after ingestion a single 10mg tablet of Buscopan, the first two with purpose of quantifying the N-butylscopolamine to determine Bioequivalence between formulations Furp (Test) and Buscopan (Reference) and third to identify potential metabolites of N-butyl scopolamine .in plasma human .. The first two methodologies were developed and validated and considered suitable for quantification of N-butylscopolamine in human plasma, the first by online solid-liquid extraction (online SPE) and high performance liquid chromatography efficiency coupled with mass spectrometry (LC-MSIMS) with a range of concentration:. 0.05 to 40 ng / ml, range withdrawn from the literature. The second methodology Liquid-liquid extraction and chromatography coupled with ultra efficiency mass espectrôrnetro (FPLC-LLE-MS / MS), with a concentration range of 1 to 1000 pg / ml, which allowed quantify and trace the pharmacokinetic profile of Nbutilescopolamina for the determination of bioequivalence between the two formulations butylscopolamine bromide, following ingestion of a single 10 mg tablet. Using 58 volunteers, due to high intra-individual variability, proven by statistical calculations (38%), the two formulations: tablet Coated 10mg butylscopolamine bromide FURP Buscopan and '' were 25

O brometo de N-butilescopolamina apesar de ser um medicamento amplamente difundido e utilizado como antiespasmódico, tanto na população brasileira como no mundo inteiro, existem muito poucos trabalhos científicos publicados a seu respeito, principalmente em relação a sua farmacocinética: absorção, metabolismo e excreção. Com o avanço das técnicas de separação e quantificação de substâncias químicas presentes em tecidos e fluidos biológicos, bem como do desenvolvimento de equipamentos com altíssima sensibilidade, capazes de detectar traços, hoje conseguimos traçar perfil farrnacocinético da droga original e de metabólitos, mesmo daquelas drogas consideradas de-ação local com baixa absorção como é o caso da N-butilescopolamina. Neste trabalho desenvolvemos três metodologias de extração e detecção por LCMS/ MS capazes de identificar a N-butilescopolamina em plasma humano após ingestão de um único comprimido de 10 mg de Buscopan®, sendo as duas primeiras com a finalidade de quantificação da N-butilescopolamina para determinação da bioequivalência entre as formulações Furp (Teste) e Buscopan® (Referência) e a terceira para identificação de possíveis metabólitos da N-butilescopolamina .em plasma humano .. As duas primeiras metodologias foram desenvolvidas e validadas e consideradas aptas para a quantificação de N-butilescopolamina em plasma humano, sendo a primeira por extração sólido-líquido online (SPE online) e cromatografia líquida de alta eficiência acoplada a espectrômetro de massas (LC-MSIMS), com faixa de concentração de: 0.05 a 40 ng/rnl., faixa retirada da literatura. A segunda metodologia por extração líquido-líquido e cromatografia de ultra eficiência acoplada a espectrôrnetro de massas (LLE-FPLC-MS/MS), com faixa de concentração de: 1 a 1.000 pg/mL, que permitiu quantificar e traçar o perfil farmacocinético da Nbutilescopolamina para determinação de bioequivalência entre duas formulações de brometo de butilescopolamina, após ingestão de um único comprimido de 10 mg. Utilizando 58 voluntários, devido a sua alta variabilidade intraindividual, comprovada pelos cálculos estatísticos (38%), as duas formulações: comprimido revestido de 10 mg de brometo de butilescopolamina FURP e Buscopan'" foram consideradas bioequivalentes quanto a taxa e extensão da absorção, dentro do intervalo estabelecido pela RE I 170/2006 - ANVISA. Com a terceira metodologia apesar das baixíssimas concentrações do fármaco que foi absorvida, conseguimos a identificação de 6 substâncias compatíveis com as rotas metabólicas já propostas para o seu análogo de origem natural, a escopolarnina em mamíferos, são eles: dernetilação, sulfonação, hidroxilação, hidrogenação, perda de água e conjugação com ácido glucurônico. Também encontramos os produtos resultantes de conjugação com cisteína, dimetilação, metilação, além de mais um componente, cuja rota metabólica não foi possível identificar, com perda de 44 Daltons (unidades de massa atômica). 26
Keywords n- butylscopolamine
metabolism
bioequivalence
liquid chromatography
mass spectrometry
buscopan
2
n-butilescopolamina
metabolismo
bioequivalência
cromatografia líquida
espectrometria de massas
buscopan
Language Portuguese
Date 2016-03-31
Published in SUENAGA, Eunice Mayumi. Estudos de bioequivalência de brometo de n-butilescopolamina em forma de comprimidos e de seus metabólicos em plasma humano de voluntarios sadios. 2016. 187 f. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2016.
Research area Bioquímica
Knowledge area Ciências biológicas
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 187 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=3686658
Access rights Closed access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47340

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account