Impacto da implantação de um projeto de coordenação intra-hospitalar de doação de órgãos e tecidos em hospitais públicos de São Paulo

Impacto da implantação de um projeto de coordenação intra-hospitalar de doação de órgãos e tecidos em hospitais públicos de São Paulo

Author Silva, Vanessa dos Santos Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Roza, Bartira de Aguiar Roza Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Enfermagem
Abstract Aim: evaluate the revenue generated by hospital procedures regarding organ donation, paid by the public health system, according to current legislation at the time studied in hospitals that house the NCAP project; verify changes in the number of potential donors identified and effected on donors; verify the procedures related to organ donation hospital billing is compatible with the cost of human resources CIHDOTT as ordinance No. 2.600/2009 and; calculate ROI (Return on Investment) and TRI (Term Return on Investment). Methods: Epidemiological, retrospective and cross-sectional study(1) based on organ donation data in the State of São Paulo and the nine hospitals that had or have exclusive professional for CIHDOTT belonging to the NCAP project. Results: there were differences statistically significant (p < 0.05), in the comparative analyzes before and after the implementation of the NCAP project on the number of Brain Death (BD) (0.78 to 1.60 %) , number of Effective Donor (ED) (3.05 - 4.74% ) and the rate of conversion of all hospitals ( 24.7 to 34.8 %). When analyzed separately hospitals that had significant results were the Municipal Hospital Moyses Deustch (0.58 to 1.54 % - BD) , the Hospital Regional de Sorocaba (4.88 % -8.35 % - ME , 1.02 - 2.02 % - ED) , the Hospital Mandaqui (1.97 to 7.05 % - BD , from 0.30 to 2.59 % - ED, 11.1% - 35.1 % conversion rate ) and Hospital Regional Osasco ( 27.3 to 46.1 % - conversion rate ) , these results showed that the presence of a specialist is important to change the indicators of efficiency. In the analysis of segmented logistic regression to analyze the trend lines with the progression of time as much for BD to ED in all hospitals studied, it was noted that there was a significant increase in the number of ME and DE in the month of entry compared to previous month in hospitals Mandaqui (4.17 BD) and Osasco (2.73 BD), Regional Sorocaba (1.08 BD) and Mandaqui (1.52 BD). Regarding the comparison of hospital billing is noted that in general there was an increase of 190 % in the period 2008-2012 (with the NCAP project). Analyzing hospitals is perceived that there was an increase of hospital billing at all after the project implementation NCAP and ranged from 40 % to 1.955 %. A survey of base salary medical and nursing in the State of São Paulo was made and we found that in CIHDOTT type II, the coordinator may be a nurse with a monthly cost of R $ 1,175.40. In the case of CIHDOTT type III the average monthly cost can be from R$ 10.412,00 to keep a medical coordinator working twenty hours per week exclusive. There was a 27% efficiency in the use of funds, found by calculating ROI, having low term for return on investment (TRI = 0.79 years). Conclusion: In this study we concluded that the presence of in-hospital coordinator is promising and beneficial both socially and financially, as shown by the results we observed a clear improvement in the number of notifications ME, DE and hospital billing after the introduction of professional expert.

avaliar faturamento hospitalar gerado pelos procedimentos referentes à doação de órgãos, pagos pelo sistema público de saúde, segundo legislação vigente à época estudada nos hospitais que abrigam o projeto NCAP; verificar alterações no número de notificações de potenciais doadores e doadores efetivos; verificar se o faturamento hospitalar relacionado aos procedimentos de doação de órgãos é compatível com o custeio de recursos humanos da CIHDOTT, conforme portaria n° 2.600/2009 e; calcular o ROI (Return on Investment) e o PRI (Prazo de Retorno do Investimento). Método: Estudo Epidemiológico, retrospectivo, transversal, 1 realizado com dados de doação de órgãos do Estado de São Paulo e do projeto NCAP de nove hospitais que tiveram ou têm profissional exclusivo para a CIHDOTT pertencente ao projeto. Resultados: houve diferença, estatisticamente significante (p<0,05), nas análises comparativas antes e após a implantação do projeto NCAP sobre o número de notificações de morte encefálica (NME) (0,78-1,60%), número de doadores efetivos (DE) (3,05 - 4,74%) e na taxa de conversão de todos os hospitais (24,7-34,8%). Quando analisados separadamente, os hospitais que tiveram resultado significante foram: hospital Municipal Moyses Deustch (0,58-1,54% ? NME), hospital Regional de Sorocaba (4,88%-8,35% - NME, 1,02-2,02% - DE), hospital Mandaqui (1,97-7,05% - NME, 0,30-2,59% - DE, 11,1% - 35,1% taxa de conversão) e hospital Regional de Osasco (27,3-46,1% - taxa de conversão), tais resultados evidenciaram que a presença do especialista representa alteração importante dos indicadores de eficiência. Na análise de regressão logística segmentada, analisamos tendência das retas com a progressão do tempo, tanto para NME quanto para DE. Em todos os hospitais estudados, notou-se que houve um salto significativo nos números de ME e DE no mês de entrada do especialista comparado ao mês anterior nos hospitais Mandaqui (4,17 NME) e Osasco (2,73 NME), Regional de Sorocaba (1,08 DE) e Mandaqui (1,52DE). Quanto à comparação do faturamento hospitalar, nota-se que, de modo geral, houve aumento de 190% no período de 2008 a 2012 (com o projeto NCAP). Analisando separadamente os hospitais, percebe-se que houve aumento do faturamento hospitalar em todos após a implantação do projeto NCAP, tendo variado de 40% a 1955%. Após levantamento do piso salarial médico e de enfermagem do Estado de São Paulo foi identificado que em CIHDOTT tipo II, o coordenador pode ser um enfermeiro com custo mensal de R$ 1.175,40. Já no caso da CIHDOTT tipo III, o custo médio mensal pode ser de R$ 10.412,00 para mantermos um coordenador médico atuando por vinte horas semanais exclusivas. Houve eficiência de 27% na utilização dos fundos, calculando-se o ROI, tendo ainda baixo prazo para retorno dos investimentos (PRI =0,79 anos). Conclusão: neste estudo, pudemos concluir que a presença do coordenador intra-hospitalar é benéfica e promissora, tanto socialmente quanto financeiramente, pois, por meio dos resultados apresentados, pudemos observar a nítida melhora no número de notificações de NME, DE e faturamento hospitalar no período após introdução do profissional especialista.
Keywords healthcare financing
tissue and organ harvesting
nursing
organ donation
financiamento da assistência à saúde
coleta de tecidos e órgãos
enfermagem
doação de órgãos
Language Portuguese
Date 2014-03-21
Published in SILVA, Vanessa dos Santos. Impacto da implantação de um projeto de coordenação intra-hospitalar de doação de órgãos e tecidos em hospitais públicos de São Paulo. 2014. 106 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2014.
Research area Enfermagem
Knowledge area Ciências da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 106 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=1613539
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/46939

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account