A arte e a ciência de conhecer pessoas: a dimensão humanista na formação do médico na UNIFESP

A arte e a ciência de conhecer pessoas: a dimensão humanista na formação do médico na UNIFESP

Alternative title The art and science of meeting people: the humanist dimension in the training of the doctor at UNIFESP
Author Torossian, Miriam Sansoni Google Scholar
Advisor Batista, Nildo Alves Google Scholar
Graduate program Ensino em Ciências da Saúde – EPE
Abstract This study aimed to investigate how Medicine’students percive the course "Meeting People - a science, an art," within the Medical Psychology discipline and evaluate their interest in developing psychoaffective skills and the construction of intersubjectivity . To this end, we opted for a qualitative approach, whose methodological strategies facilitate the understanding of human phenomena, especially those aspects that can not be measured or quantified. Empirical data were obtained using semi-structured interviews with 2nd, 3rd, 4th, 5th and 6th year medical students of the Faculdade de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), using a key questions script. The interviews were recorded and later transcribed and checked. For the analysis of empirical data obtained was used the method of content analysis according to thematic categorical methodology. Content analysis took place in three stages: pre-analysis, analytical description and inferential interpretation. Relevant themes for the study were: the meaning of meeting people; intersubjectivity and evaluation of the course "Meeting People"; in each of these categories were highlighted subcategories, namely: approaching the other; empathy; the human behind the mask; dialogic relation: teacher-student, student-patient; opportunity for self-knowledge; the discipline as a oportunity for reflection; discussion about the doctor-patient relationship; learning to be "human." This study provided knowledge about the prevailing view of the students in relation to the experience of meeting people, showing that the course was an aid to understand oneself when related to other people, the enhancement of interpersonal relationships whether on a personal or professional level.

Este estudo pretendeu investigar como os alunos da graduação em Medicina da Unifesp perceberam o curso “Conhecendo Pessoas – uma ciência, uma arte”, dentro da disciplina de Psicologia Médica, bem como avaliar o seu interesse pelo desenvolvimento de habilidades psicoafetivas e a construção da intersubjetividade. Para tanto, optamos pela abordagem qualitativa, cujas estratégias metodológicas facilitam a compreensão dos fenômenos humanos, especialmente nos aspectos que não podem ser medidos nem quantificados. Os dados empíricos foram obtidos em entrevistas com alunos do 2º, 3º, 4º, 5º e 6º anos da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), usando a técnica de entrevista semidirigida, orientada segundo roteiro de perguntas-chave. As entrevistas foram gravadas e posteriormente transcritas e conferidas. Para a análise do material empírico obtido foi utilizado o método da análise de conteúdo de acordo com a metodologia categorial temática. A análise de conteúdo aconteceu em três etapas: pré-análise, descrição analítica e interpretação inferencial. As categorias temáticas relevantes para o estudo foram: o sentido de conhecer pessoas; intersubjetividade e avaliação do curso “conhecer pessoas”; nestas categorias foram destacadas subcategorias, quais sejam: aproximação do outro, empatia, o humano por trás da máscara, relação dialógica professor-aluno, relação aluno-paciente, a disciplina oferece oportunidade para autoconhecimento, a disciplina como espaço para reflexão e acolhimento, discussão da relação médico-paciente não é a própria relação médico- paciente, o aprender a ser “humano”. Este estudo propiciou o conhecimento sobre a visão predominante dos alunos em relação à experiência de conhecer pessoas, evidenciando que o curso foi um auxiliar na compreensão de si mesmo, do outro, na valorização do relacionamento interpessoal, quer no âmbito pessoal, quer profissional.
Keywords Educação Médica
Desenvolvimento de Pessoal
Humanização da Assistência
Relações Interpessoais
Psicologia Médica
Education
Medical
Staff Development
Humanization of Assistance
Interpersonal Relations
Medical Psychology
Language Português
Date 2015
Published in TOROSSIAN, Miriam Sansoni. A arte e a ciência de conhecer pessoas: a dimensão humanista na formação do médico na UNIFESP. 2015. 138f. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino em Ciências da Saúde) – Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo, São Paulo, 2015.
Publisher Universidade Federal de São Paulo
Extent 138f.
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/11600/45775

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account